Calgary – Roteiro de 1 dia na cidade!

Começamos nosso dia preparando as malas para partirmos para o outro lado do Canadá, rumo a Calgary! Este foi o nosso maior deslocamento na viagem, portanto fomos de avião, nosso voo partiu às meio-dia de Quebec e após uma rápida conexão em Toronto, chegamos às 5 horas em Calgary.

voo-calgary.JPG
Vista do avião turbo hélice que fez parte do trajeto até Calgary 

No aeroporto você já sente a hospitalidade local, os funcionários sorrindo de chapéu de cowboy já te dão as boas-vindas! Após pegar nossas malas, fomos para a locadora Hertz retirar o nosso carro, já que nos próximos dias nossa viagem será no melhor estilo “Road Trip”!

Nós alugamos o carro pelo site da Rentcars, o atendimento foi rápido e tudo correu perfeitamente, pegamos um Nissan Rogue e adoramos o carro! Inclusive no site deles você consegue comparar os melhores preços e ainda pagar parcelado e escapar do IOF do cartão de crédito, ficamos bastante satisfeitos!

Clique aqui, para alugar seu carro na Rentcars!

Calgary é conhecida por ter uma forte influência do estilo cowboy e também por ter a sua economia ligada à exploração do petróleo, tanto que já foi até apelidada de Texas do Norte. É uma cidade em expansão, não tão turística, mas ainda assim surpreendente, que teve um crescimento muito virtuoso, após sediar os Jogos Olímpicos de Inverno em 1988 e com muita coisa legal pra ver e conhecer, vamos lá!

centro-calgary

Onde ficar em Calgary

Nossa passagem por Calgary foi breve, pois iríamos passar apenas duas noites, sendo que somente um dia inteiro por lá, antes de partir para as Montanhas Rochosas, ou as “Rockies”, que é como os canadenses chamam por aqui. Sendo assim, procuramos por um hotel que tivesse um bom custo-benefício, já que como estávamos de carro, a localização não seria tão relevante pra nós.

aloft-calgary

Pesquisando encontramos o Aloft Calgary University, este hotel foi um dos locais mais em conta que ficamos na viagem, mas mesmo assim muito prático e confortável.

onde-ficar-em-calgary

quarto-aloft-calgary

A localização era de fácil acesso tanto para o aeroporto, como para as principais vias que levam ao centro, quarto espaçoso, piscina aquecida, café da manhã incluso e estacionamento grátis.

hotel-barato-em-calgary
Aperitivo no restaurante do hotel Aloft

Fora que o check-in ainda foi em português, já que havia uma funcionária brasileira no atendimento. O Aloft com certeza é uma boa opção em Calgary, principalmente se estiver de carro na cidade.

Clique aqui, para reservar seu hotel Aloft Calgary University pelo Booking!

O que fazer em Calgary

Dividimos nosso dia na região em duas partes: na da manhã fomos conhecer Drumheller (135 km de Calgary), a cidade que ficou famosa pelas várias descobertas arqueológicas na região e recebeu o título de “Cidade dos Dinossauros”, já na parte da tarde, voltamos para Calgary, para conhecer os principais pontos turísticos na região central, abaixo a gente mostra como foi:

World’s Largest Dinosaur – Esta réplica de Tiranossauro Rex auto proclamada de “O maior dinossauro do mundo” fica localizada na entrada da cidade de Drumheller.

dinossauro-drumheller

Construído em fibra de vidro e aço, tem uma altura de 26,3 metros e um comprimento de 46 metros e é, curiosamente, muito maior do que os maiores exemplares conhecidos desta espécie de dinossauro que chegou, no máximo, a 12,8 metros de altura.

dinossauro-gigante-drumhellerdrumheller-dinossauros

A ideia do prefeito da cidade na época da construção, foi incentivar o turismo paleontológico na região e acabou criando uma figura bem divertida. Nós visitamos a réplica logo na nossa chegada a Drumheller, que além de render fotos bem inusitadas kkk!

drumheller-foto-dinossauro

Também possibilita a visita por dentro do tiranossauro, mediante um ingresso de CAD 4,00, subindo as escadas e chegamos até a boca do dinossauro, dá para ter um visual bem amplo da cidade de lá, e é claro, mais fotos engraçadas!

vista-drumheller

Além disso, várias outras réplicas de dinossauros menores são encontradas por toda a cidade.

Royal Tyrrell Museum Palaeontology – Este museu é imperdível, mesmo que você não curta tanto dinossauros, ainda assim vai se surpreender positivamente com a qualidade deste museu.

royal-tyrrell-museum

museu-dinossauro-drumheller

O Royal Tyrrell Museum é um centro de pesquisa paleontológica conhecido por sua coleção de mais de 130.000 fósseis.

esqueleto-dinossauro-drumheller.JPG

royal-museum.JPG

Ele está situado no meio de uma camada de fósseis da formação, daí vem sua vocação para à pesquisa.

drumheller-tyrrel.JPG

Nós visitamos o Museu na parte da manhã e seu acervo é muito variado, contemplando todas as principais eras paleozóicas, impressionante também o excelente trabalho que complementa os fósseis encontrados, fazendo com que o visitante tenha uma ideia do tamanho real das espécies em exposição.

 

tyrrell-drumheller.JPG

Gostamos bastante de conhecer o Royal Tyrrell, portanto se tiver oportunidade, vale uma esticadinha até Drumheller para visitar!

Calgary Tower – Esta torre com 191 metros e 726 degraus é considerada uma das mais famosas atracões de Calgary.

dicas-calgary-tower.JPG

calgary-dicas.JPG

Outra curiosidade sobre a Calgary Tower foi que durante os Jogos Olímpicos de Inverno de 1988, a chama olímpica foi acesa no topo da torre, tornando-se a maior tocha olímpica no mundo.

onde-passear-calgary.JPG

Nós visitamos a torre à tarde, o dia estava lindo e dá para ter um visual magnífico da cidade de lá. O legal é que embora a torre não seja tão alta como a CN Tower em Toronto, a parte do piso de vidro é maior e com poucas divisões, o que aumenta muito a sensação de flutuar sobre a cidade e chega a dar um friozinho na barriga kkk…

ingresso-calgary-towertorre-calgary

Outra opção interessante é fazer uma refeição no restaurante giratório que fica no topo da torre. Não esperávamos muito da torre de Calgary, mas ela nos surpreendeu, com certeza vale a visita!

vista-de-calgary.JPG

 

vista-da-cidade-stampede

Peace Bridge – A ponte da paz foi desenhada pelo arquiteto espanhol Santiago Calatrava em 2012, inclusive ele foi o mesmo que projetou o Museu do Amanhã no Rio.

passeios-para-fazer-em calgary

Ela é uma ponte para pedestres e ciclistas, foi construída com o objetivo de criar uma nova ligação sobre o Rio Bow.

o-que-fazer-calgary-ponte-da-paz.JPG

 

ponte-da-paz-calgary.JPG

Passamos lá logo que descemos da torre, a ponte tem uma ótima vista da cidade e também dá acesso ao parque Prince’s Island, um dos principais de Calgary, é um lugar muito agradável de passear e ainda possibilita ótimas fotos da ponte.

ilha-calgary.JPG

Onde comer em Calgary

Saltlik – Este restaurante fica na parte central de Calgary, numa área cheia de bares e ótimas opções de restaurantes.

centro-de-calgary

saltlik-calgary.JPG

O Saltilik é uma das mais frequentadas steakhouses da cidade, nós experimentamos um ótimo filet mignon por lá!

onde-comer-em-calgary-calgary.JPG

Este restaurante tem uma decoração mais tradicional e ambiente agradável. Possui uma área interna ampla e opções de mesa na parte externa também, que foi onde ficamos. O atendimento é bom e os preços razoáveis para esta região de Calgary, portanto se você gosta de um bom steak esta é uma ótima escolha por lá.

Onde fazer compras em Calgary – Dica de outlet

CrossIron Mills Outlet Mall – Este outlet fica no caminho entre Calgary e Drumheller, inclusive passamos por lá na volta do nosso passeio a cidade dos dinossauros.

onde-comprar-em-calgary.JPG

outlet-calgary.JPG

O outlet é muito grande, possui muitas lojas e excelentes preços. Além disso tem uma praça de alimentação ampla, com diversas opções e ainda bons restaurantes.

lojas-outlet-calgary.JPG

onde-comer-outlet-calgary.JPG

Gostamos muito de conhecer, só lamentamos não termos podido ficar um pouco mais por lá, já que nosso roteiro em Calgary estava mais apertado, mas se tiver mais tempo, pode ser uma ótima opção de compras na região.

O que a gente achou

Em princípio, Calgary seria apenas uma passagem rápida no nosso roteiro, para a chegada às montanhas rochosas canadenses, mas a cidade se revelou muito mais que isso! A cidade do petróleo, com uma pegada calma e moderna ao mesmo tempo, acabou sendo uma grata surpresa na viagem!

calçadão-centro-de-calgary.JPG

Com muitas opções de passeios e restaurantes, e ao mesmo tempo por não ser muito turística, acabou sendo muito tranquila e agradável de visitar. Agora que conhecemos a cidade, gostaríamos de ter ficado pelo menos mais uns 2 dias, mas tudo bem, fica para a próxima…

vista-torre-calgary.JPG

E continuando nossa jornada, hora de pôr as bagagens no carro e partir para um dos destinos mais aguardados desta viagem: Banff, nas Montanhas Rochosas Canadenses! Até lá!

Abraços, Jr. e Lu

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s