Roteiro de 3 dias em Edimburgo

Continuando nossa viagem, partimos às 9h da manhã da estação de King’s Cross Londres, com destino a Edimburgo, capital da Escócia. Sempre tivemos muita vontade de visitar este país, então não pensamos duas vezes na hora de esticar nossa viagem até Edimburgo. São cerca de 4 horas de trem de Londres até lá, a viagem é bem tranquila e confortável. Além disso as paisagens são muito bonitas, em alguns trechos é possível até ver um pouco do mar através da janela. Edimburgo é totalmente diferente de Londres, enquanto a terra da rainha é cheia e agitada, Edimburgo tem outro ritmo, a cidade anda mais calmamente, mas ao mesmo tempo também é animada e cativante. O brilho do Natal ainda deixou todo o clima ainda mais acolhedor! Abaixo a gente mostra um pouco de tudo que conseguimos fazer por lá, lembrando que tentamos manter a mesma pegada econômica de Londres.

Onde ficar em Edimburgo

A hospedagem em Edimburgo é um pouco mais em conta que Londres, como a cidade é menor, é mais fácil ficar bem localizado. Como em Londres, procuramos por um lugar com boa localização e banheiro privativo, mas que tivesse um bom preço, já que continuávamos com o nosso objetivo de encontrar o melhor custo beneficio durante a viagem. Pesquisando, encontramos o Cityroomz Edimburgo e conseguimos um ótimo preço pelas diárias, que ficaram ainda mais baratas por serem durante a semana!

Onde-ficar-em-Edimburgo

O Cityroomz é super bem localizado, conseguimos ir a todos os pontos turísticos a pé, além disso a região é cheia de bons restaurantes, lojas e supermercados. As áreas comuns do Cityroomz são pequenas, mas ele tem um bom espaço de café da manhã (pago à parte £6,00). Os quartos tem um tamanho muito bom, dá para circular bem, sem sentir aquela sensação de aperto, ainda tem uma cama confortável e local para guardar as bagagens. Então se você estiver procurando um hotel bom e econômico em Edimburgo, sem dúvida, recomendamos o Cityroomz!

Onde-ficar-Edimburgo

Clique aqui para reservar este hotel!

O que fazer em Edimburgo

Embora seja bem menor que Londres, Edimburgo tem muito a oferecer, a capital da Escócia tem muitas atrações e uma atmosfera única! Fora que como tudo é perto, dá para otimizar bastante o roteiro e mesmo ficando pouco tempo, conseguimos conhecer vários locais da cidade, vamos lá!

Princes Street – É a avenida mais famosa da cidade. A principal estação também fica nesta avenida e como chegamos de trem, foi o primeiro lugar que conhecemos em Edimburgo. O interessante é que numa grande parte dela, um dos lados não tem edifícios, oferecendo vistas espetaculares sobre os populares Jardins da Princes Street e sobre o Castelo de Edimburgo. Há ainda outras atrações interessantes ao longo da rua, como o Monumento a Sir Walter Scott e a Galeria Nacional da Escócia. Também é um excelente local para compras e tem muitos restaurantes.

Roteiro-3-dias-Edimburgo

Royal Mile – A Royal Mile é o coração de Edimburgo e a mais bela rua histórica da cidade, cheia de bares, restaurantes, cafés, museus e lojas. Não deixe de incluir esta rua no seu roteiro pela Cidade Velha, desde o Castelo de Edimburgo até ao Palácio de Holyrood. Percorremos ela curtindo o clima animado da proximidade do Natal e também aproveitando as excelentes vistas da cidade.

Jardim da Princes Street – Os jardins ficam mesmo no centro da cidade, com uma ótima vista para o Castelo de Edimburgo. Fizemos um passeio muito agradável por lá, também há muitas estátuas e monumentos no parque, destaque para o Monumento de Scott, construído em homenagem a Sir Walter Scott.

Jardim-Princes-Street

Calton Hill – Foi dos locais que mais gostamos em nossa passagem por Edimburgo. O local é um símbolo da cidade e, inclusive, é Património Mundial da UNESCO e aparece muitas vezes nas fotos e quadros da cidade. As paisagens de lá são incríveis, dá para avistar vários ângulos da cidade e a vista é de tirar o fôlego. Lá também tem vários monumentos e construções que podem ser vistos do topo. Os principais são o Monumento Nacional da Escócia, dois observatórios e o Monumento a Nelson.

Monumento-Nelson

Visitamos o Calton Hill na parte da manhã, mas o local também é excelente para ver o pôr do sol e apesar de ser um dos principais pontos turísticos da cidade, a colina é muito frequentada também pelos moradores, que recentemente protestaram contra a criação de uma parque temático lá.

Calton-Hill

Castelo de Edimburgo – Em vários locais de Edimburgo é possível avistar o Castelo, esta fortaleza que data do século XII, sem dúvida é uma das mais imponentes e bonitas vistas da cidade.

O-que-fazer-em-Edimburgo

O castelo está intimamente ligado a história dá Escócia, já que tradicionalmente, ela sempre foi uma região que esteve envolvida em muitos conflitos ao longo dos séculos. Inclusive, o castelo de Edimburgo é muito conhecido pelas suas terríveis masmorras, onde muitos prisioneiros foram torturados ao longo dos tempos.

Castelo-Edimburgo

Mas o castelo tem muito mais para oferecer: o Grande Hall onde reis e rainhas costumavam organizar banquetes, o National War Memorial, que presta homenagem aos soldados da Escócia ao longo dos tempos, e ainda ver as jóias reais escocesas.

Passeios-Edimburgo

O castelo com certeza é imperdível e está em um dos principais mirantes da cidade, a gente foi a pé mesmo, passeando, subindo até lá através da Royal Mile, outro ótimo passeio.

Grassmarket – Esta praça já foi palco de muitas execuções públicas, tanto que hoje você pode encontrar um memorial das vítimas aqui. Mas hoje em dia, o local abriga excelentes restaurantes, que servem pratos tradicionais escoceses e de outros locais do Reino Unido também. Nós fomos em um excelente pub irlandês lá(veja vídeo acima), além disso a Grassmarket também é uma área com muitas opções de compras e bares.

Grassmarket-Edimburgo

Victoria Street – Esta rua é uma das mais fotografaras de Edimburgo, suas lojas com fachadas coloridas atraem muitos turistas e ela aparece frequentemente nos cartões postais da cidade. Passamos por lá logo que saímos da Grassmarket, vale a pena incluí-la no roteiro para conhecer um pouco mais da arquitetura escocesa.

Victoria-Street

Galeria Nacional da Escócia – Abriu em 1859 e está alojada num edifício neoclássico, que foi desenhado pelo arquiteto escocês, William Henry Playfair. A galeria é o lar de uma arte clássica e moderna de vários países. As exibições são organizadas de acordo com países e períodos, para que possa começar com a exploração do renascimento italiano e terminar com o impressionismo francês.

Museu-gratuíto-Edimburgo

Apesar de ser uma galeria pequena, foi uma visitação muito agradável. Além disso, a entrada é gratuita e é muito fácil de ir, já que fica na Princess Street, na área central da cidade.

Igreja St. John Evangelista – Foi o último lugar que visitamos, já no último dia da viagem. A igreja tem uma arquitetura que lembra o estilo gótico, embora tenha sido construída já no período contemporâneo. Fica na Princess Street, na junção da Lothian e é tombada pelo patrimônio histórico.

Igreja-St-John-Evangelista-edimburgo

Onde comer em Edimburgo

A gastronomia em Edimburgo segue no geral o padrão britânico, a exceção são alguns pratos regionais, como por exemplo o Haggis, que é uma sopa de miúdos de carneiro. Abaixo a gente conta um pouco dos lugares que conseguimos experimentar por lá!

Ask Italian – Este restaurante italiano ficava ao lado do hotel (Cityroomz) em que estávamos, a decoração tem toda aquela inspiração na Itália, mas ao mesmo tempo com uma pegada moderna e atual. O ambiente é bem espaçoso e o atendimento é ótimo. Experimentamos uma porção de arancini de entrada que estava muito boa e de prato principal, escolhemos uma indicação da casa, o capeletti de mortadela, estava uma delícia. No geral gostamos muito deste restaurante, inclusive os preços também são bem acessíveis, com certeza foi uma ótima pedida!

Onde-comer-Edimburgo

Biddy Mulligans – Este pub irlandês tem anos de história, localizado na Grassmarket, seu interior é todo em estilo antigo, remontando a atmosfera de um pub antigo.

Onde-comer-Pub-Edimburgo

Desta vez preferi experimentar um dos hambúrgueres da casa, já a Lu foi fiel ao Fish and Chips, os dois pratos foram muito bem servidos e estavam muito bons.

Onde-comer-Grassmarket

Destaque também para a grande variedade da carta de cervejas.

Cervejas-Edimburgo

Pandas & Sons – Este foi um dos pubs mais inusitados que visitamos nesta viagem, inspirado na lei seca americana, sua fachada imita uma barbearia, então ele passa facilmente desapercebido se você não souber que ele está lá!

Panda-e-Sons-Pub

Bar-bardearia-Edimburgo
Na frente apenas uma estante de livros…
Bar-Barbearia
Que na verdade é a entrada do pub!

Somente quando você entra, desce as escadas e dá de cara com uma parede desenhada como uma estante de livros, é que você percebe que se trata na verdade de uma porta e finalmente você entra no pub!

Pub-panda-Sons

O ambiente tem todo um ar nostálgico dos anos 30, a casa é especializada em drinks, com uma variedade incrível. O lugar é ideal para uma drink no final da tarde ou para dar aquela esticadinha na noite, após o jantar. Só pela ideia criativa já vale a visita!

Onde-beber-Edimburgo

Whistlebinkies Pub – Este pub é um dos poucos da cidade que tem programação todos os dias, tanto que fomos lá numa terça e estava rolando música ao vivo (veja o vídeo acima), muito boa por sinal.

Pub-Whistler-Edimburgo

O ambiente é rústico, um bom lugar para curtir um pouco e dar uma relaxada depois de um dia de passeios.

Pub-Escócia

Dica: o pub serve apenas bebidas, então não faça como nós e deixe para jantar mais tarde, pois quando saímos já estava tudo fechando e senão fosse as nossas comprinhas no mercado, teríamos dormido com fome kkk…

The Black Rose Tavern  Foi a nossa despedida de Edimburgo antes de irmos para o aeroporto, este restaurante fica próximo à Princes Street, na altura da Primark. O ambiente é bem descolado, embora pequeno, muito agradável, com muitas referências ao rock na decoração e percebemos que ele é muito frequentado por locais também.

Onde-comer-escócia-black-rose

Dessa vez fui de Fish and Chips pra me despedir e a Lu foi de massa, os dois pratos estavam muito bons. Os preços também são em conta em relação aos outros restaurantes que fomos em Edimburgo, uma boa dica para almoço quando estiver nesta área da cidade.

Fish-and-chips-Edimburgo

Onde-Comer_Edimburgo

Mercado de Natal de Edimburgo – Se você estiver na cidade nesta época, não perca este mercado de Natal!

Mercado-Natal-Edimburgo

O mercado fica ao lado da estação central e tem muitas atrações, várias opções de comidas e bebidas, música ao vivo, enfim uma atmosfera incrível!

Edimburgo-Natal

Além disso, dá para economizar fazendo algumas refeições por lá, nós mesmos fizemos isto na nossa chegada na cidade (veja vídeo acima).

Mercado-Natal-Escócia

Onde comprar whisky em Edimburgo

The Whisky Shop – Quando se pensa em Escócia uma das coisas que logo vêm a cabeça, além das vestimentas típicas e da gaita de fole é o whisky!

www.dos2blog.com.br

Então muitas pessoas têm interesse em trazer um bom rótulo de lá, seja de lembrança ou até para presentear alguém.

Onde-comprar-Whisky-Edimburgo

Um bom lugar que encontramos para comprar um bom escocês foi na The Whisky Shop, esta loja especializada em whisky fica na Victoria Street e tem uma infinidade de rótulo, diversas variações, por um bom preço e o atendimento também é ótimo.

Loja-whisky-edimburgo

O que a gente achou

Nossa estadia, apesar de rápida, foi ótima conseguimos aproveitar muito bem os 3 dias que passamos em Edimburgo, mas é claro que ela merece mais dias, inclusive conhecer outras cidades mais ao norte ou até mesmo Glasgow, que é outra importante cidade da Escócia.

Castelo-escócia

O mais legal de Edimburgo é que apesar de ser uma capital, ela tem um ritmo mais calmo e como não é grande, mesmo com pouco tempo dá pra fazer bastante coisa por lá.

Edimburgo-tavernas

Além disso, as pessoas são muito educadas, cordiais e a cidade tem muita, mas muita história para contar, sem falar nas vistas incríveis do castelo e de vários mirantes!

Roteiro-Edimburgo

Enfim, saímos de lá com aquela vontade de voltar novamente!

Como-comprar-bilhete-aeroporto-edimburgo
Máquina para comprar o bilhete de tram para o aeroporto (no vídeo a gente mostra os detalhes).

Aeroporto-Edimburgo

Espero que vocês tenham gostado de acompanhar esta nossa viagem pelo Reino Unido e logo, logo vem mais coisa por ai!

Natal-Edimburgo

Abraços, Jr. e Lu

Anúncios

Nenhum pensamento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s