Praga #3 | Roteiro de 3 dias em Praga

Continuando nossa trip pelo Leste Europeu, saímos de trem da estação de Dresden rumo a Praga, são aproximadamente 2 horas de viagem. Demos sorte, pois mesmo sem reservar os assentos conseguimos viajar sozinhos boa parte do trecho, em uma cabine espaçosa, apesar de termos comprado o bilhete mais em conta.

O_que_fazer_em_Praga_vista_noturna

Chegamos na principal estação de Praga e confesso que nossa expectativa era grande para conhecer a cidade, há muito esperávamos uma oportunidade de estar lá… realmente a beleza de Praga impressiona, o centro histórico, a ponte Carlos, o rio Vltava que corta a cidade, as vistas do castelo, enfim tem muita coisa legal para ver! Segue um pouco do que conseguimos aproveitar por lá e algumas dicas:

Onde trocar dinheiro em Praga

Normalmente a gente chega a Praga precisando trocar dinheiro, já que a moeda na República Checa é a Coroa Checa. Então uma dica de um bom local para fazer o câmbio é a Exchange, na Rua Kaprova 13, esquina da Rua Maislova, a poucos passos da Praça da Cidade Velha. Lá eles não cobram comissão, nem taxas adicionais e as taxas de câmbio são justas e atualizadas diariamente com base no preço oficial.

Onde ficar em Praga

Praga tem uma hotelaria bem variada e segue a lógica de quanto mais perto do centro histórico os preços vão se elevando, então optamos pelo AXA Hotel que tem uma boa localização, café da manhã incluso e permite ir a pé a maioria das atrações da cidade. O AXA Hotel fica a cerca de 10 minutos do centro histórico e uns 15 minutos da estação de trem mais próxima, isto nos possibilitou não precisar se preocupar com transporte em Praga.

Onde_ficar_em_Praga_axa_hotel

O hotel é simples, na área externa tudo muito básico, dá para perceber que o prédio passou por uma pequena reforma, mas mantendo o clima de austeridade. O quarto segue a mesma toada de simplicidade, mas é espaçoso, banheiro reformado, por outro lado a TV é pequena, mas o quarto atende bem o essencial. No geral achamos que compensou ter ficado por lá, pois o valor estava abaixo da média de Praga, além de possuir uma boa localização.

Onde_ficar_em_Praga_axa_hotel

O que fazer em Praga

O clima nos ajudou em Praga, pois apesar do frio intenso (chegamos a pegar -6 graus de sensação térmica por lá), os dias estavam muito bonitos e com um céu azul impressionante para a época de quase inverno, isto nos ajudou a aproveitar bem os três dias que passamos por lá, abaixo um pouco do que conseguimos conhecer:

Clima_Praga_dezembro

Igreja de Nossa Senhora Vitoriosa – A famosa imagem do Menino Jesus de Praga fica nesta igreja:

menino-jesus-of-prague-dark-background-mr-tobin-shutterstock

A história da imagem conta que Vilem de Rozumberk, Imperador da República Tcheca fundou um Convento Carmelita após conseguir grande vitória numa batalha importante. Foi um ato de agradecimento. Tempos mais tarde, o convento começou a passar por grande crise. Os padres carmelitas, então, pediram ajuda a Deus. Logo, receberam a visita da Princesa Polixene Lobkwitz, que estava em seus últimos dias de vida. Ela levou aos padres uma grande oferta em dinheiro que os tirou da crise. A princesa prometeu dar aos padres uma bela imagem do menino Jesus, vestido de Rei, com o globo terrestre na mão esquerda e a mão direita levantada para abençoar.

menino-jesus-de-praga-1

Os Carmelitas colocaram a imagem no oratório de seu mosteiro, mas com a eclosão de Guerra dos Trinta Anos, em 1631, o local foi saqueado e a imagem do Menino Jesus ficou esquecida numa pilha de entulhos até 1637, quando foi encontrada por um padre chamado Cirilo, com os braços quebrados e sem as mãos. Acredita-se que o Menino Jesus de Praga tenha trazido prosperidade ao mosteiro ao longo dos anos e sua bênção afastou os inimigos que dominavam a Boêmia. Um dia, rezando em frente à imagem, o padre Cirilo ouviu as palavras “Tende piedade de mim e eu terei piedade de vós. Devolvei minhas mãos e eu vos devolverei a paz. Quanto mais me honrardes, tanto mais vos abençoarei”. O mosteiro, sem recursos, ainda se recuperava da guerra quando um fiel entrou na igreja e se compadeceu da situação do Menino Jesus de Praga, e ofereceu-se para restaurá-la.

Os milagres realizados começaram a se tornar frequentes, rendendo ao Menino Jesus de Praga milhares de devotos. Em 1655, o conde Martinitz, grão marquês da Boêmia, brindou a imagem com uma coroa de ouro cravejada de pérolas e diamantes, colocada na cabeça do Menino em uma cerimônia de coroação, que é até hoje comemorada.

Por conta dos diversos milagres protagonizados pela estátua, seu culto se espalhou pelo mundo. No Brasil, a devoção ao Menino Jesus de Praga foi trazida pela ordem dos Carmelitas e é direcionada a Jesus, considerado por seus seguidores um REI desde a sua infância pelos seus seguidores.

Praça Venceslau – Uma das praças mais famosas de Praga, foi testemunha de muitos momentos importantes na História da República Checa, desde as manifestações contra o regime comunista e até palco para comemorações. Atualmente, é uma grande atração turística e está rodeada de lojas e restaurantes de todos os tipos, inclusive almoçamos em um lugar excelente por lá. (Veja abaixo, em onde comer em Praga)

O_fazer_em_Praga_praça_venceslau_1

Praça da Cidade Velha  A Praça da Cidade Velha é o coração de Praga e é a praça mais famosa da cidade. Na nossa passagem por lá estava bastante cheio, pra não dizer lotado, especialmente em frente ao famoso Relógio Astronômico (Orloj). Também há outros locais históricos interessantes que podem ser vistos, como por exemplo, o belo edifício do Palácio de Kinsky ou a Igreja de São Nicolau.

Relógio Astronômico (Orloj) – Este é o Relógio Astronômico mais antigo ainda em uso no mundo (tem mais de 600 anos). É sem dúvida o local mais visitado de Praga. De hora em hora as pessoas se aglomeram para ver as figuras se movendo ao lado do mostrador. A gente ficou impressionado com a quantidade de gente esperando ansiosamente para ver este momento! O relógio fica na parede da câmara municipal, na praça da Cidade Velha.

O_que_fazer_em_Praga_relógio_astrônomico

Ponte Carlos – Esta ponte, do século 14, liga a Cidade Velha com a Pequena Cidade e o Castelo de Praga. Com um comprimento de 516 metros, sólida construção gótica de pedra e estátuas barrocas, é talvez a vista mais famosa de Praga.

O-que_fazer_em_Praga_Vltava

Com certeza, depois do Relógio Astronômico, é o ponto turístico mais visitado da cidade, portanto prepare-se para encontrar a ponte cheia de turistas. As vistas são lindas, mas a lotação incomoda um pouco para conseguir curtir o visual, então se quiser aproveitar a ponte mais vazia, vai ter que chegar bem cedo!

O_que_fazer_em_Praga_ponte_carlos_2

Curiosidade: Reza a lenda que a construção da Ponte Carlos começou exatamente às 5:31 da manhã de 9 de julho de 1357. Isso cria uma seqüência interessante de números (1357 9, 7 5:31) que segundo a crença da época, tornaria a ponte mais forte. E talvez faça sentido, afinal ela suportou várias inundações graves e sua estrutura se mantém imponente até hoje.

O_que_fazer_em_Praga_ponte_carlos_1

Neste ponto ficava a cruz de madeira dos tempos do rei Carlos IV. Mas ela obviamente teve que ser substituída várias vezes antes da chegada as estátuas atuais. Aqui, a história diz que as inscrições em hebraico junto à cruz (“Santo, santo, santo é Deus”) foram colocadas por ordem de um tribunal, em reposta a um judeu tcheco, que teria rido da estátua, em 1696. Anos depois ficou provado que ele havia sido vítima de uma armação e hoje existe uma placa explicando o caso para quem passa por ali.

O_que_fazer_em_Praga_ponte_carlos_3

Parque Kampa – Este é um dos parques mais agradáveis que visitamos durante a viagem e como o tempo estava bom, deu para aproveitar bem o dia, apesar do frio.

O_que_fazer_em_Praga_kampa_1

Kampa é uma das ilhas do rio Vltava, localizada no centro da cidade, que atrai muitos turistas pela sua atmosfera e arquitetura. Além de ser um ótimo lugar para passear, relaxar e apreciar a vista do Vltava, ainda dá para incluir uma passada do Museu Kampa, para conhecer a galeria de arte moderna.

O_que_fazer_em_Praga_kampa

O_que_fazer_em_Praga_kampa_3

Castelo de Praga – O Castelo de Praga impressiona pelo tamanho, localizado na parte alta da cidade, este castelo é a sede dos governantes checos há quase 1000 anos e agora é a residência oficial do presidente da República Checa (no vídeo no final do post, a gente mostra mais detalhes do Castelo de Praga).

O_que_fazer_em_Praga_castelo_de_praga_fachada

Ele é considerado o maior castelo do mundo, segundo o Guiness Book e remonta ao século IX, quando a primeira igreja foi construída ali.

O_que_fazer_em_Praga_castelo_de_praga_3

Na verdade quem espera um castelo tradicional pode se frustrar um pouco, já que ele foi crescendo aos poucos, conforme foram se anexando pavimentos ao complexo. Mas mesmo assim o castelo oferece locais imperdíveis, como:

– Catedral de São Vito – O horizonte de Praga ficaria vazio sem essa catedral católica romana de três corredores e capelas que tornaram-se uma parte indispensável da cidade. Oficialmente, a Catedral chama-se Catedral de São Vito, Venceslau e Adalberto. É mais conhecida por São Vito, pois ele foi o primeiro a que ela foi consagrada. Além dos três, há outros santos enterrados na Catedral: São João de Nepomuceno, São Sigismundo da Borgonha e está, inclusive, a caveira de São Lucas. Também há um crânio em Roma atribuído ao mesmo santo. Mas pesquisas recentes indicam que o de Praga seria o autêntico.

O_que_fazer_em_Praga_são_vito

A catedral também abriga a Câmara da Coroa onde as jóias da coroa checa estão guardadas, mas só ficam expostas em ocasiões importantes e aniversários, o que acontece aproximadamente uma vez a cada cinco anos. Mas a própria catedral com a sua bela fachada e um impressionante mosaico dourado do juízo final já vale a visita. Não é necessário ingresso para a entrar na catedral e ver o salão principal.

O_que_fazer_em_Praga_são_vito_1

– Basílica de São Jorge – É a segunda igreja mais antiga de Praga, já fez parte da National Gallery e abrigou muitos bons exemplos de arte boêmia do século XIX. Agora é usado como espaço de exposições temporárias e também uma sala de concertos. Fica do lado da Catedral de São Vito, o que favorece aproveitar e já conhecer as duas.

O_que_fazer_em_Praga_castelo_de_praga_2

– Golden Lane (Viela Dourada) – Esta rua do século XVI, está rodeada por pequenas casas coloridas que já tiveram inquilinos famosos, incluindo Franz Kafka e Jaroslav Seifert, escritor checo e vencedor do Prémio Nobel.

O_que_fazer_em_Praga_golden_lane

Provavelmente o nome “dourada” viria do século XVI, uma época na qual os alquimistas tentavam produzir ouro lá. Durante algum tempo, até foi chamada “Rua dos Alquimistas”, mas depois ficou conhecida como Viela Dourada mesmo.

O_que_fazer_em_Praga_golden_lane_1

O_que_fazer_em Praga_castelo_de_praga_besta

Algumas das casas mostram como era uma ambientação de vila medieval e da até para se sentir um guerreiro medieval e tentar um tiro ao alvo com uma besta(arco e flecha semi-automático). A parte das masmorras também é impressionante, os equipamentos de tortura são de dar medo e tudo parece cenário de “Game of Thrones”!

O_que_fazer_em_Praga_masmorra

Sendo uma das atrações mais populares de Praga, o castelo muitas vezes fica cheio de turistas, principalmente na alta temporada que vai de junho a agosto, então dependendo da época, se prepare para grandes filas… como nós fomos no início de dezembro não estava tão cheio, mas ainda assim pegamos um pouco de filas.

O_que_fazer_em_Praga__castelo_de_praga

Existem várias maneiras de chegar ao castelo. A maioria das pessoas opta por apanhar o bondinho n.° 22, na estação Pražský hrad, que fica a 5 minutos a pé do pátio do castelo. As estações de metro mais próximas são Malostranská e Hradčanská.

O_que_fazer_em_Praga_ponte_carlos

A gente foi a pé mesmo e apesar da subida nas escadarias para chegar no castelo, achamos bem tranquilo, do nosso hotel foi cerca de meia hora, por um caminho muito agradável.

O_que_fazer_em_Praga_castelo_de_praga_1

Ingressos para o Castelo de Praga(04/02/2018):

  • Circuito A – CZK 350
  • Circuito B – CZK 250
  • Circuito C – CZK 350

Onde comer em Praga

Meet Burger – Está hamburgueria tem uma decoração casual e descolada, ótimo lugar para tomar uma cerveja checa, que faz uma parceria perfeita com os hambúrgueres da casa, que são ótimos. Tudo isso ao som do bom e velho rock and roll.

Onde_comer_em_Praga_meet_burger

Onde_comer_em Praga_meet_burger_hamburguer

U Patrona – É o restaurante do hotel de mesmo nome, fica na região de Mala Strana, na verdade entramos lá por acaso, pois estava passando muito do horário do almoço e resolvemos experimentar.

Onde_comer_em_praga_u_patrona

A decoração é bem clássica e o restaurante tem um estilo tradicional, já o cardápio é baseado na cozinha checa, mas também tem outros pratos tradicionais. Eu experimentei um schinitzel, enquanto a Lu preferiu uma sopa de queijo, estavam muito bons. É uma opção para almoço, principalmente em dias mais frios, mas não chega a ser surpreendente.

Vinograf – Este Wine Bar possui três filiais em Praga, conhecemos a de Mala Strana, que fica do outro lado da ponte, próximo ao Parque Kampa.

Onde_comer_em_Praga_vinograf

O local é rústico, porém aconchegante, o catálogo de vinhos é gigante, parece um livro kk, são muitas opções, até pedimos ajuda para a sommelier para escolher… e para nossa surpresa, descobrimos que existe vinho theco e ele é muito bom!

Onde_comer_em_Praga_vinho_checo

Outra coisa legal são os aperitivos, a gente experimentou uma tábua de queijos excelente por lá. No geral gostamos bastante, o Vinograf é uma boa opção para um happy hour ou mesmo para jantar, nesta região da cidade.

Onde_comer_em_Praga_Vinograf_3

No dia seguinte, nós conhecemos também a unidade do Vinograf mais próxima do centro histórico, ela é ainda maior e a carta de vinhos já está toda informatizada em tablets e o ambiente também é muito agradável, nós inclusive achamos gostamos mais dessa unidade.

Onde_comer_em_Praga_vinograf_centro_1

Aliás, indicamos muito esta rede para quem gosta, ou como nós, quer aprender mais sobre vinhos.

Onde_comer_em_Praga_vinograf_centro

U Pinkasu – O U Pinkasu (ou Pikachu segundo a Lu kkk) foi o restaurante onde melhor comemos em Praga, esta antiga cervejaria tem um ambiente tradicional, mais descontraído ao mesmo tempo, com uma área de bar e outra parte de restaurante.

o_que_fazer_em_Praga_u_pinkasu_entrada

A Lu foi de queijo a milanesa, estava muito bom, já eu fui de um mix de carnes de porco bem típico na região, com molho de cerveja, que estava muito show!

Onde_comer_em_Praga_u_pinkasu

Onde_comer_em_Praga_u_pinkasu_1

Gostamos bastante, a carta de cerveja também é bem variada. Nos almoçamos por lá. Mas como fica numa parte bem central, próximo à praça Venceslau, é um ótimo complemento para qualquer programa que você estiver fazendo na cidade, seja de manhã ou à tarde.

Bottega Linka – Este restaurante de comida italiana tem uma decoração muito moderna e descolada, o ambiente é espaçoso e bem agradável e você pode ver tudo sendo preparado pelo chef na cozinha aberta na parte de trás do salão.

Onde_comer_em_Praga_la_bottega_linka

Onde_comer_em_Praga_la_bottega_linka_1

A proposta do restaurante é a comida italiana mas com uma forte influência da culinária mediterrânea, com um toque menos tradicional e com algumas releituras de pratos, principalmente frutos do mar.

Onde_comer_em_Praga_la_bottega_linka_2

Onde_comer_em_Praga_la_bottega_linka_3

Eu fui de risoto estava muito bom, já a Lu foi de parpadelle, no geral gostamos bastante.

Onde_comer_em_Praga_la_bottega_linka_risoto

Onde_comer_em_Praga_la_bottega_linka_parpadelle

Achamos o Linka Bottega uma ótima opção para jantar em Praga, no nosso caso foi perfeito, pois ele ainda ficava pertinho do hotel(AXA Hotel) onde estávamos hospedados.

O que a gente achou

Praga nos impressionou muito com sua história e beleza, realmente correspondeu bastante nossas expectativas neste sentido.

Praga_1

Mas mesmo indo fora da alta temporada, sentimos a cidade muita cheia de turistas, o que muitas vezes exige uma certa dose de paciência pra conhecer os principais pontos turísticos…. Mas sem dúvida alguma, valeu muito a pena! A Lu resumiu bem a nossa conclusão sobre Praga: Linda e Lotada! Kkk, veja nos vídeos abaixo:

Abraços, Jr. e Lu

Anúncios

Nenhum pensamento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s