Berlim #1 | Roteiro de 3 dias em Berlim

Começamos nossa viagem pelo centro e leste europeu por Berlim, esta cidade incrível carregada de história, andar por suas ruas e museus é praticamente uma aula! Mas Berlim hoje em dia é uma cidade moderna com muita coisa legal pra ver e conhecer, aqui a gente conta e mostra um pouco de como foi nosso roteiro de 3 dias por lá, vem ver!

Como chegar em Berlim pelo aeroporto Tegel

Não há estação de metrô no aeroporte de Tegel, mas usar o ônibus para chegar a Berlim é bem tranquilo, saindo do desembarque você logo verá a sinalização indicando o terminal de ônibus.

terminal-aeroporto-berlim

Lá você poderá comprar o bilhete zonas A-B nas máquinas (custa EUR 2,70).

comprar-ticket

E aí será só aguardar o seu ônibus, conforme o seu destino na cidade:

– Se você for ficar hospedado na parte central da cidade, como no Mitte,  a melhor forma é através do TXL Express Bus, ele é o principal ônibus que faz o trajeto entre o Aeroporto de Tegel e a cidade de Berlim. Ele passa por vários locais durante o seu trajeto, incluindo o Brandenburg Tor e a Alexander Platz e se for necessário você ainda pode usar este ônibus para chegar nas estações da S-Bahn e U-Bahn para fazer uma baldeação e chegar no seu hotel.

– Se você for ficar hospedado em Berlim West, como foi a nossa opção,  a melhor forma é através da linha expressa X9, que é uma alternativa para quem pretende descer na estação Zoologischer Garten (Zoo de Berlim), que tem conexão com a rede de trem e metrô da cidade. A viagem é bem rápida e o trajeto dura aproximadamente 20 minutos.

Tegel Berlin

Importante: Não esqueça de validar o bilhete nas máquinas na plataforma ou dentro do ônibus. Andar sem validar o bilhete rende uma multa de EUR 40,00!

validar ticket

Onde ficar em Berlim

Quando começamos a pesquisar onde se hospedar na cidade estávamos a procura de algo mais descolado e que tivesse um pouco deste lado mais irreverente e moderno de Berlim, foi quando descobrimos o 25 hours Hotel Bikini. Este hotel localizado na parte ocidental, na região da Kudam, se revelou uma opção excelente e com um preço justo pelo que oferece.

Bikini-Berlim

O  25 hours tem uma decoração superdescolada,  com um estilo de design muito atual, toda as sinalizações do hotel são bem humoradas e você encontra frases engraçadas até nas plaquinhas de não perturbe do quarto kkk…!

25 hours-bikini

E por falar nos quartos, nós tivemos sorte, pois tivemos um upgrade e ficamos com vista livre para o jardins do Zoo, que ficam bem atrás do 25 hours. Toda a decoração do quarto segue a mesma linha da parte externa do hotel, explorando o tema do Zoo e da natureza, tem um bom espaço externo e possui o banheiro divido entre o chuveiro e o lavatório(que fica de frente para toda a vista livre). O café da manhã é excelente mas é pago, pode ser tomado no terraço com vista ou na Bakery no andar da recepção.

Café 25hours

Ultimamente o 25 hours se tornou muito procurado também pelo seu bar no terraço, o Monkey Bar, que é um dos mais disputados de Berlim, mas o legal é, que quem é hóspede, tem a vantagem de acessar diretamente o Monkey, sem pegar a fila que se forma no térreo. Além disso o staff do hotel é muito prestativo, cortês e ainda recebem encomendas sem cobrar taxa. O 25 hours está próximo das estações de metrô, trem e tram(nosso VLT) e ainda tem o shopping Bikini ao lado, com mais uma variedade de lojas e opções de restaurantes.

Berlim-west

Ele também fica em frente a  Igreja Memorial do Kaiser Guilherme, que não foi reconstruída como lembrança dos bombardeios da 2a. Guerra,  e está a apenas três quadras da famosa loja de departamentos KaDeWe.

O que fazer em Berlim

Berlim tem uma diversidade enorme de passeios, com muita coisa legal pra ver, então foi um desafio fazer um roteiro de 3 dias em meio a tantas opções, mas mesmo assim acho que a gente conseguiu aproveitar bastante, abaixo mostramos um pouco mais dos lugares que visitamos:

Portão de Brandemburgo – Nós começamos nosso roteiro por ele, que sem dúvida é o cartão-postal mais famoso de Berlim, o Portão de Brandenburgo está localizado no bairro Mitte na Pariser Platz, foi construído em 1789-91, pelo arquiteto Carl Langhans, com o objetivo de comemorar as vitórias prussianas. Durante a 2a. Guerra o portão foi bastante danificado e só foi reformado após 10 anos do final do conflito. Atualmente ele é o maior simbolo da reunificação alemã. (Gratuito)

Portão de Brandemburgo

Führerbunker (O Bunker de Hitler) – Este abrigo subterrâneo tinha 5 metros de profundidade com cerca de trinta salas distribuídas em dois pavimentos: o Vorbunker no pavimento superior e o Führerbunker um nível abaixo, onde ficavam os aposentos de Hitler. Hoje o local é marcado por uma placa informativa que dá uma noção de como era o local antigamente. (Gratuito)

DCIM100MEDIADJI_0044.JPG

Curiosidade: Por muitos anos nada indicava que o local já abrigou o bunker de Hitler. É que as autoridas alemãs tinham receio de que o lugar pudesse se tornar um santuário, um lugar de adorações para neonazistas. Foi somente em 2006, um pouco antes da Copa do Mundo da Alemanha, que este painel foi colocado no local.

Memorial aos Judeus Mortos na Europa –  Memorial aos Judeus Mortos da Europa ou como é mais comumente chamado Memorial do Holocausto é, como o nome já indica, um memorial dedicado aos seis milhões de judeus mortos durante o regime nazista. O Memorial do Holocausto está localizado no coração de Berlim, a uma quadra do Portão de Brandemburgo. O monumento consiste de 2.711 blocos de concreto cinza escuro distribuídos em fileiras paralelas sob uma superfície ondulada, andar por eles causa uma certa sensação de angústia, que foi justamente o que buscava o arquiteto Peter Eisenman, visando transmitir um pouco do sofrimento das vítimas e assim passar uma mensagem sobre os horrores do Holocausto. (Gratuito)

Topografia do Terror – Trata-se de um museu/memorial que documenta e mostra os horrores praticados pelos nazistas. Ele apresenta o período de 1933-1945 e está localizado aonde ficava o antigo quartel general da polícia secreta nazista, a Gestapo. O acervo deste museu é incrivelmente bem feito, possui painéis, fotos, cartas, enfim vários elementos importantes da época. Vale muito a visita, e além disso, ajuda a lembrar o quanto é importante não deixar que estes crimes e atrocidades caiam no esquecimento. (Gratuito)

Topografia-terror

Checkpoint Charlie – Era um posto militar na fronteira entre Berlim Ocidental e Oriental durante a Guerra Fria. O Checkpoint Charlie se localizava na junção das ruas Friedrichstrasse com Zimmerstrasse e Mauerstrasse, ligando o setor americano com o setor soviético.

Checkpoint-Berlim

Depois  as autoridades da Alemanha Ocidental construíram este posto para servir como um ponto de controle para registrar a passagem de membros das Forças Aliadas e diplomatas estrangeiros entre a Alemanha Ocidental e a Alemanha Oriental. (Gratuito)

Checkponi-Charlei

Museu DDR – Ele retrata o estilo de vida simples na antiga Alemanha Oriental comunista, que contrastava bastante com a riqueza da Alemanha Ocidental. O DDR Museu é organizado por áreas como moradia, trabalho, férias, mulher e família, moda, cultura e seu acervo foi montado com contribuições e doações de pessoas que moravam na antiga Alemanha Oriental. Achamos um dos museus mais legais da viagem, pois a interatividade com os ambientes e objetos torna a experiencia de visitação ainda mais agradável. Atualização: Infelizmente, vimos no site do DDR que não existe mais a opção do ingresso de valor reduzido para o período noturno, mesmo assim recomendamos a visita após as 18h, pois o museu fica bem mais vazio e você escapa das excursões que geralmente visitam o DDR mais cedo.

DDR

Dica: comprando online você já leva o ingresso de casa, pula a fila e economiza 1 Euro por ingresso.(EUR 8,50)

Museu dos Ramones Berlim – Quem assistiu ao nosso vídeo de 36h em NY sabe que a gente é muito fã dos Ramones, então uma visita a este museu não poderia faltar na viagem.

Museu ramones

O Museu/Bar possui um bela coleção de artigos dos Ramones, o lugar é pequeno, mas o ambiente é despojado e muito agradável. O acervo te leva a um mini tour pela carreira da banda, tem muitas fotos, cartazes e pertences dos integrantes e uma foto bastante curiosa e engraçadíssima – uma relíquia registrada da primeira formação – de Joey, Johnny, Dee Dee e Tommy, praticamente adolescentes, na entrada do clube CBGB’s (clube de rock lendário de NYC). (O ingresso custa EUR 6,00 e dá direito a um botton + uma cerveja.)

Ramones museu

East Side Gallery –  É a parte do muro transformada em painel artístico, conta com a participação de 105 artistas do mundo inteiro juntos pelo “Memorial Internacional da Liberdade”.

Muro-Berlim

As pinturas foram feitas no lado oriental do muro, em 1990, 1 ano após a queda do muro e em pleno ano de reunificação alemã. É uma das maiores galerias a céu aberto do mundo, com seu 1,3km de muro pintado. Quando se está ali, não tem como não refletir sobre o que representava o muro para a Alemanha e para o mundo e com sua queda mudou a história. (Gratuito)

Muro-Berlim2

Onde comer em Berlim

Berlim tem uma gastronomia muito variada e a imigração, sobretudo a turca e árabe,  trouxe muitas outras influências para a culinária alemã. E se você estiver por lá em dezembro, como nós,  ainda vai poder aproveitar as especialidades das feiras de Natal, que são uma tradição em muitos lugares da Europa. Estes foram foram alguns dos lugares que conseguimos experimentar:

Bag Yard – Este restaurante foi uma opção excelente, do lado do nosso hotel. Ele tem uma decoração muito legal e o ambiente é bem informal, com uma inspiração na comida árabe, alem do falafel e do hummus, ele também tem hambúrgueres deliciosos, inclusive foi nossa opção de prato por lá.

Bag Yard

Hopfingerbräu – É uma ótima opção de almoço/jantar para quando for visitar o Portão de Brandemburgo, ele fica praticamente na construção ao lado do portão. O restaurante possui pratos da culinária tradicional alemã e também tem uma variedade enorme de cervejas. Nós experimentamos a cerveja de coca-cola e de maça, muito boas por sinal e pra comer fomos de curriwurst, que é uma salsicha de porco cortada e temperada com molho ao curry com batata, e você ainda pode escolher dentre as diversas opções de molho no cardápio.

Curry wurst

Mercado de Natal Gendarmenmarkt – Chegamos neste mercado de Natal por acaso ele não fazia parte do roteiro do dia, mas acabou sendo uma grata surpresa! Ele é considerado um dos mais bonitos de Berlim, tem muitas barracas com comida e bebidas, artesanato exclusivas e decorações de Natal.

Mercado-de-natal-berlim

Tomar um Glüwein (vinho quente) por lá é um programa de inverno imperdível e você ainda pode trazer a caneca de lembrança!

Caneca Berlim

E o bom é que ele possui tendas, que se tornam verdadeiros restaurantes, super aconchegantes, ótimos para escapar do frio germânico. (Entrada EUR 1,00)

Monkey Bar (hotel 25hs Bikini) – Se tornou uma opção muito prática durante nossa hospedagem, já que ficava no terraço do nosso hotel o 25 hours Hotel Bikini. O bar tem uma decoração incrível e uma vista sensacional para o Zoo.

Comida-Monkey-bar

O cardápio não é extenso, mas o falafel com hummus que comemos estava show e eles também tem muitas opções de drinks e cervejas.

Monkey-bar

Curtimos o entardecer por lá e valeu muito a pena, pois o ambiente é bem agradável, dá para ficar um tempão lá relaxando e apreciando a vista, nota 10!

Cerveja-Monkeybar

Burgermeister – Fica pertinho do East Side Gallery, então é uma ótima opção para antes ou depois de se visitar esta parte da cidade. O hambúrguer de lá é excelente e o preços também são bem em conta, tanto que o local é muito frequentado pelos Berlinenses. O espaço é bem casual, mas agradável e pensar que o local, antes de ser uma hamburgueria, era uma antigo banheiro público!

Burguermeister

Onde fazer compras em Berlim

Berlim tem grandes shoppings e muitas lojas interessantes, algumas com ótimos preços, e embora nossa passagem tenha sido breve,  a gente conseguiu visitar algumas, vamos lá:

Primark – Esta rede de lojas irlandensa, presente em vários lugares da Europa, possui preços imbatíveis! Por lá você encontra roupas, acessórios, sapatos e até itens para casa. Tem tanta coisa legal que a gente fica louco para trazer tudo! A loja também é excelente para comprar roupa de frio com bons preços, a gente mesmos comprou 2 ótimos casacos lá.

KaDeWe – Esta loja de departamento é a segunda maior da Europa e foi um ícone da força econômica da Alemanha Ocidental ainda nos tempos do muro. KaDeWe é a abreviação de Kaufhaus des Westens, mas com o tempo virou KaDeWe. E está para Berlim como as Galeries Lafayettes estão para Paris, são 7 andares onde você encontra de tudo e no 8.a andar ainda tem uma parte com restaurantes. Os preços são mais elevados, porém as marcas são excelentes e os produtos tem muita qualidade. Além disso no 6.a andar eles tem uma área de delicatessen super variada, ótima para uma pausa antes de continuar o giro pela loja.

Kurfürstendamm  Esta avenida em Berlim West, popularmente apelidada de Kudam, tem uma grande variedade de lojas como Bershka, H&M, Pull and Bear, Saturn (eletrônicos), Zara, etc. Como nosso hotel(leia acima) ficava na rua paralela a Kudam, foi muito prático para a gente dar um giro e visitar esta parte da cidade.

No vídeo abaixo a gente mostra um pouco de como foi nossa passagem por Berlim, e ainda acompnha o nsso perrengue que foi perder o celular por lá, vem ver:

Abraços, Jr. e Lu

Anúncios

Nenhum pensamento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s